Clareamento Dental - Alex Barreira - Odontologia | Dentista | Cirurgião | Brás | Pinheiros

Clareamento Dental

Talvez você sempre quis ter um lindo sorriso branco e brilhante.

Ou seus dentes amarelaram com o passar do tempo. Ou talvez você não esteja feliz com as manchas provenientes do café, chá ou refrigerantes.

Qualquer que seja sua razão de querer dentes mais brancos, você não está sozinho!


Qualquer pessoa pode ter seus dentes mais claros?

Sim. Com exceção de lactantes e gestantes, não existem outras contraindicações. Mas isso varia de caso para caso. Por exemplo, o motivo do dente ter mudado de cor entra como um fator diferenciador.

Clareamento Dental

Cabe ao dentista analisar as causas, a cor natural do dente, o resultado que o paciente espera. Realizar um exame clínico minucioso e então oferecer a opção mais adequada.

Existem várias técnicas a serem usadas, além do clareamento, feito no consultório ou em casa; há facetas de porcelana e resina e também as próteses.


Como funciona o clareamento dental?

Utilizando-se gel oxidantes (peróxido de hidrogênio ou carbamida), moléculas de oxigênio penetram a camada de esmalte do dente e na dentina “quebram“ as moléculas de pigmento causadores das manchas/ escurecimento.


Como é feito o clareamento?

O processo do clareamento se utiliza de gel oxidantes de duas maneiras. Chamado clareamento a laser ou de consultório e o clareamento com moldeiras ou caseiro. A diferença entre eles é duração do tratamento e concentração do gel.


Clareamento a laser ou Clareamento de consultório:

Utiliza-se um gel em alta concentração o que permite dentes brancos em duas sessões de 1 hora. As gengivas recebem cuidado especial para sua proteção para evitar queimaduras.

O uso de luz LED (laser) está indicado na tentativa de ativar o gel clareador. Importante ressaltar, que pesquisas científicas não comprovam a superioridade desse método.


Clareamento com moldeira ou Clareamento Caseiro:

Confecciona-se uma moldeira personalizada para cada paciente que deve reter o gel clareador de baixa concentração por períodos de uso que variam de 1 a 8 horas por dia. O tratamento pode perdurar por até 3 semanas.


Existe diferença de resultado entre o clareamento caseiro e o de consultório?

Os resultados de ambos costumam ser muito positivos. Não se pode dizer que o resultado do clareamento de consultório seja superior, mas o maior controle do efeito clareador, bem como a comodidade e rapidez do método costumam agradar mais que o clareamento de moldeira.


Quanto tempo dura o clareamento?

O efeito do clareamento pode perdurar por muitos meses, mas depende muito do estilo de vida de cada paciente. O tabagismo, a ingestão de líquidos escuros como café, chá, refrigerantes de cola e vinho podem abreviar o sorriso “branquinho“. Talvez após 2 ou 3 anos algum retoque seja necessário.

Vale lembrar que o escurecimento após o clareamento deve acontecer como parte do processo de envelhecimento, mas muito provavelmente, não volte a escurecer com na situação pré-clareamento.


Meus dentes ficarão sensíveis após o clareamento?

A sensibilidade dental decorrente do clareamento é apenas transitória, não devendo passar de 48 horas.

O uso de analgésicos e bochechos com flúor aliviam essa situação. Também é comum um desconforto na gengiva, ocasionado por contato do gel clareador usado em excesso nas moldeiras ou proteção inadequada da gengiva nos clareamentos de consultório.


O clareamento desgaste os dentes?

Não, o clareamento não altera a estrutura dos dentes. Trabalha apenas sobre a porosidade natural do dente removendo os pigmentos e manchas.


A partir de que idade pode-se fazer clareamento?

O clareamento só pode ser feito após a completa formação dos dentes, que geralmente ocorre aos 16 anos de idade. Mesmo assim uma consulta para realização de exame clínico/radiográfico são necessários para a indicação do tratamento.


Os cremes dentais e enxaguatórios que prometem clarear dentes funcionam?

Na verdade esses produtos contêm agentes químicos e polidores que promovem remoção de manchas superficiais ao invés de clarear os dentes. Sendo importante sua utilização para manutenção dos resultados obtidas pelo clareamento.